1. Moro evita Dallagnol em restaurante  Brasil 247
  2. Moro ignora Dallagnol e se une a presidente do PSL, Luciano Bivar  Blog do Esmael
  3. Dallagnol é esnobado por Moro em restaurante onde ministro jantava com Bivar  Diário do Centro do Mundo
  4. Moro e Deltan têm encontro ‘frio’ em restaurante de Brasília  VEJA.com
  5. Um jantar de arromba  VEJA.com
  6. Ver cobertura completa no Google Notícias
Em um restaurante em Brasília, Deltan Dallagnol se levantou certo de que o ministro Sérgio Moro (Justiça) iria até a sua mesa para cumprimentá-lo, mas o ex-juiz apressou o passo para o local reservado pelo PSL e deixou o ex-colega de Curitiba no "vácuo"Em um restaurante em Brasília, Deltan Dallagnol se levantou certo de que o ministro Sérgio Moro (Justiça) iria até a sua mesa para cumprimentá-lo, mas o ex-juiz apressou o passo para o local reservado pelo PSL e deixou o ex-colega de Curitiba no "vácuo"

Moro evita Dallagnol em restaurante - Brasil 247

O ex-juiz Sérgio Moro ignorou o antigo parceiro no comando de caça a Lula, Deltan Dallagnol, preferindo a companhia de Luciano Bivar.O ex-juiz Sérgio Moro ignorou o antigo parceiro no comando de caça a Lula, Deltan Dallagnol, preferindo a companhia de Luciano Bivar.

Moro ignora Dallagnol e se une a presidente do PSL, Luciano Bivar

Ministro jantava com deputados do PSL enquanto procurador estava com um colega da Lava-JatoMinistro jantava com deputados do PSL enquanto procurador estava com um colega da Lava-Jato

Moro e Deltan têm encontro ‘frio’ em restaurante de Brasília | VEJA.com

O advogado de Gustavo Elias Santos, 28, o DJ de Araraquara, afirmou nesta noite que seu cliente ouviu de outro dos quatro presos pela Polícia Federal (PF) ontem,O advogado de Gustavo Elias Santos, 28, o DJ de Araraquara, afirmou nesta noite que seu cl...

Advogado do DJ preso: 'hacker' queria vender mensagens de Moro para o PT - 24/07/2019 - UOL Notícias

Novos diálogos revelados pela Veja do escândalo da Lava Jato apresentam um novo personagem: Faustão. Ao confirmar a veracidade do encontroNovos diálogos revelados pela Veja do escândalo da Lava Jato apresentam um novo personagem: Faustão. Ao confirmar a veracidade do encontro

Faustão confirma autenticidade após aparecer em diálogos de Moro e Dallagnol

Preocupação mais imediata de cúpula é a paralisia da reforma da PrevidênciaPreocupação mais imediata de cúpula é a paralisia da reforma da Previdência

Congresso vê CPI sobre Moro como provável, e Planalto se afasta - 10/06/2019 - Poder - Folha

“O apoio da sociedade é MUITO IMPORTANTE em momentos como o atual, em que se discute projetos como o da Lei de Abuso da Autoridade. Conversei sobre esse e outros assuntos com o jornalista Eduardo Scola, do programa Cidade Entrevista. A íntegra está em: https://t.co/zHVEYZPzJ4 https://t.co/VBngbt4lZ4”

Deltan Dallagnol on Twitter: "O apoio da sociedade é MUITO IMPORTANTE em momentos como o atual, em que se discute projetos como o da Lei de Abuso da Autoridade. Conversei sobre esse e outros assuntos com o jornalista Eduardo Scola, do programa Cidade Entrevista. A íntegra está em: https://t.co/zHVEYZPzJ4… https://t.co/yBNodTLKDh"

“Moro evitou falar com Dallagnol em um restaurante em Brasília. Ao saber dissso, pensei cá com meus botões: em futuro próximo, qual dos dois fará a delação premiada e qual dos dois será o delatado?”

Wadih Damous on Twitter: "Moro evitou falar com Dallagnol em um restaurante em Brasília. Ao saber dissso, pensei cá com meus botões: em futuro próximo, qual dos dois fará a delação premiada e qual dos dois será o delatado?"

“Do fundador da @anticorruption: "Aos olhos de economistas sérios e investidores que miram o longo prazo, atacar a grande corrupção e romper com práticas arraigadas de negócios baseadas na trapaça é fundamental para o desenvolvimento sustentável e a redução de desigualdades".”

Deltan Dallagnol on Twitter: "Do fundador da @anticorruption: "Aos olhos de economistas sérios e investidores que miram o longo prazo, atacar a grande corrupção e romper com práticas arraigadas de negócios baseadas na trapaça é fundamental para o desenvolvimento sustentável e a redução de desigualdades"."

“Rodrigo Maia: Se “10 Medidas” tivessem sido aprovadas, Dallagnol e Moro seriam réus hoje https://t.co/scxdCtbfqF via @jornalggn”

Luis Nassif on Twitter: "Rodrigo Maia: Se “10 Medidas” tivessem sido aprovadas, Dallagnol e Moro seriam réus hoje https://t.co/scxdCtbfqF via @jornalggn"