1. Sobe para 58 o número de mortos por gripe em Mato Grosso do Sul  Campo Grande News
  2. 'Era só uma gripezinha e que ia passar rápido', disse para filha mulher que morreu de H1N1 em município de MS  G1
  3. Santa Bárbara d'Oeste confirma primeira morte por gripe H1N1 em 2019  G1
  4. Ver cobertura completa no Google Notícias

Sobe para 58 o número de mortos por gripe em Mato Grosso do Sul . Veja notícias de Cidades em Campo Grande e Mato Grosso do Sul.Do início ano até agora, 58 pessoas morreram vítimas do vírus da gripe em Mato Grosso do Sul. É o que aponta o boletim epidemiológico da Influenza, divulgado nesta quarta-feira (14), pela Secretaria de Estado de Saúde. Conforme os dados, em apenas uma semana foram confirmadas mais cinco mortes em MS. Dentre elas, a de uma idosa de 93 anos no dia 7 de agosto em Campo Grande, com H1N1. Um homem de 4...

Sobe para 58 o número de mortos por gripe em Mato Grosso do Sul - Cidades - Campo Grande News

Prefeitura informou que vítima tinha 40 anos e morava no Jardim Esmeralda; morte ocorreu em 14 de julho, mas somente agora exames confirmaram a causa

Santa Bárbara confirma o H1N1 como causa da morte de mulher – O Liberal

Em uma semana, o número de mortes por gripe A passou de 28 para 33 no Rio Grande do Sul. Entre as novas vítimas fatais estão dois bebês, um de três meses e outro de um ano. Os dados integram o novo boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (SES) divulgado nesta quarta-feira (14). Do total de mortes neste ano, 23 foram causadas pelo vírus H1N1, sete pelo H3N2, duas por Influenza B e uma por Influenza A.Em uma semana, o número de mortes por gripe A passou de 28 para 33 no Rio Grande do Sul. Entre as novas vítimas fatais estão dois bebês, um de três meses e outro de um ano. Os dados integram o novo boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (SES) divulgado nesta quarta-feira (14). Do total de mortes neste ano, 23 foram causadas pelo vírus H1N1, sete pelo H3N2, duas por Influenza B e uma por Influenza A.