1. Vírus do beijo pode causar esclerose múltipla, mostra estudo  Diário de Pernambuco
  2. Doença do beijo pode causar esclerose múltipla, diz pesquisa  Olhar Digital
  3. Vírus da mononucleose pode desencadear esclerose múltipla, diz estudo  Metrópoles
  4. Cientistas identificaram o vírus que pode estar na origem da esclerose múltipla  NiT New in Town
  5. Vírus que causa a 'doença do beijo' pode estar na origem da esclerose múltipla, alertam cientistas  Diário Digital
  6. Ver cobertura completa no Google Notícias
A esclerose múltipla (EM), uma doença progressiva que afeta 2,8 milhões de pessoas em todo o mundo e para a qual não h&aacA esclerose múltipla (EM), uma doença progressiva que afeta 2,8 milhões de pessoas em todo o mundo e para a qual não h&aac

Vírus do beijo pode causar esclerose múltipla, mostra estudo | DP Mais Saúde: Diario de Pernambuco

Pesquisadores de Harvard descobriram que, de 801 pessoas com a doença autoimune, 800 já foram infectadas pelo vírus em algum momentoPesquisadores de Harvard descobriram que, de 801 pessoas com a doença autoimune, 800 já foram infectadas pelo vírus em algum momento

Vírus da mononucleose pode desencadear esclerose múltipla, diz estudo

Um estudo revelou que a mononucleose, também conhecida como doença do beijo, por ser causada pelo vírus Epstein-Barr (EBV), transmitido pela salivaUm estudo revelou que a mononucleose, também conhecida como doença do beijo, por ser causada pelo vírus Epstein-Barr (EBV), transmitido pela saliva

Doença do beijo pode causar esclerose múltipla, diz pesquisa - Olhar Digital

www.nit.pt

www.rtp.pt

A doença crónica pode resultar de uma infeção de Epstein-Barr (EBV), um vírus do herpes que causa a mononucleose infeciosa, conhecida como a 'doença do beijo' por ser altamente contagiosa através da saliva.

Vírus que causa a 'doença do beijo' pode estar na origem da esclerose múltipla, alertam cientistas

Equipa de Harvard deteta associação entre vírus Epstein-Barr e o risco de desenvolver esclerose múltipla. Vacina ou tratamento anti-viral são agora possibilidades.Equipa de Harvard deteta associação entre vírus Epstein-Barr e o risco de desenvolver esclerose múltipla. Vacina ou tratamento anti-viral são agora possibilidades.

Estudo conclui que vírus pode estar na origem da esclerose múltipla – Observador